Taça de Portugal de Karting em Portimão: favoritos e a novidade X30 Mini

Columns: News and Previews
A FPAK não deixou ficar para trás a competição que é considerada a grande festa do Karting, relativa à época de 2020. Não sendo possível a sua realização no ano passado, devido à situação pandémica, a emblemática prova será disputada este fim de semana, no Kartódromo Internacional do Algarve, em Portimão, sob a organização do AIA. Uma vitória de toda a ‘família’ Karting… face à Covid-19.

Por Filipe Cairrão
Foto FCJ/Filipe Cairrão Jerónimo


A maioria dos pilotos – estão 62 inscritos distribuídos por seis categorias – já rodou ontem e hoje no traçado algarvio, nas várias sessões de treinos privados, fundamentais para que amanhã e domingo – dias oficiais de competição – todos se possam apresentar com o melhor ‘set-up’.

A categoria X30 (Sénior), para pilotos com mais de 14 anos, é a que reúne o maior número de inscritos (21) e tem vários favoritos à vitória, começando desde logo por Miguel Silva – campeão nacional em título – que vai correr com um kart equipado com chassis Kosmic, em vez do habitual Parolin. “Este chassis é mais duro, mas gasta menos pneu, pelo que também é uma vantagem. Claro que também depende da condução, no que diz respeito à gestão de pneus. Para já, estou a gostar das sensações deste novo chassis. Vamos ver como corre…”, disse-nos o piloto de Setúbal.
Luís Alves, vice-campeão nacional, é igualmente um dos candidatos para conquistar a Taça de Portugal 2020 e se conseguir será a terceira da sua carreira e a primeira na X30. Curiosamente, o piloto de Guimarães também está em Portimão a estrear um novo chassis, nomeadamente um CRG, por troca com o habitual Kart Republic. “Estou francamente a gostar do chassis CRG. Ontem já deu para tirar algumas conclusões, mas vamos ver como tudo vai evoluir durante o fim de semana”, referiu Luís Alves, piloto que defende as cores do Vitória Futebol Clube.
Frederico Peters (Tonykart) – o piloto que mais vitórias somou no Campeonato de Portugal de 2020, sendo, contudo, terceiro classificado – é outro nome claramente a considerar para o lugar mais alto do pódio, assim como Jesse Doorgeest (Tonykart) – que corre em ‘casa’ – e Gabriel Caçoilo (Tonykart), sem descurar Santiago Ribeiro (Birel ART) e Mariana Machado (EKR), que terá outra concorrente feminina, nomeadamente Francisca Queiroz (Tonykart) que se estreou no Karting em 2020, entrando diretamente para a categoria Júnior.  E, por falar na categoria Júnior, será igualmente interessante ver as primeiras atuações na X30 de Diogo Martins (Tonykart), de João Miguel Oliveira (Tonykart), de João Pinto Coelho, entre outros.

A nova categoria X30 Mini
A categoria Juvenil passa agora a designar-se por X30 Mini – destinada a pilotos dos 7 aos 12 anos –, mas não muda apenas de nome. Os karts passam a estar equipados com motores de 60cc Watershift (ligeiramente mais lentos), refrigerados a água, por troca com os Puma de 85cc, refrigerados a ar, propulsores que a IAME deixou de fabricar. Mas o principal motivo desta mudança é para os jovens pilotos portugueses correrem com as mesmas especificações dos karts admitidos no IAME Euro Series (Europeu da especialidade) e de outras competições internacionais do construtor. Em Espanha, onde habitualmente correm vários portugueses, esta categoria já foi introduzida. Outra particularidade é que esta categoria deixa de ter os motores selados – podendo as equipas fazer as retificações que entenderem de acordo com o regulamento técnico –, sendo apenas selado o cilindro.
Gustavo da Silva (Birel ART), Martim Marques (Charles Leclerc) e João Barros (Tonykart) são os principais candidatos à vitória, mas há sempre que contar outros nomes, numa categoria que vai ser disputada por 12 concorrentes, entre os quais consta Xavier Lázaro, campeão nacional Iniciação.

Na categoria X30 Super Shfiter, cujos karts estão equipados com os espetaculares motores de 175cc e com caixa de velocidades, Rodrigo Ferreira (Praga), campeão nacional absoluto em título e também na classe Sénior, é o mais forte candidato à vitória, mas terá a oposição de Ricardo Borges (Birel ART), André Serafim (Intrepid) e de Hugo Marreiros (DR), estes dois últimos os principais favoritos para vencerem na classe Master (dos 30 aos 44 anos), com Vasco Lázaro (Kart Republic) na luta. Na classe Gentleman, destinada a pilotos que já tenham completado 45 anos, a Taça de Portugal de Karting vai ser discutida entre Paulo Martins (Charles Leclerc) e Diogo Teixeira (Fórmula K).
O jovem Rodrigo Lessa (Birel ART), que no ano passado disputou a X30, vai estrear-se aos comandos de um kart com caixa de velocidades e vai ser certamente um dos pontos de interesse da categoria.  

A categoria Júnior vai ser disputada por 10 pilotos e Duarte Pinto Coelho (Charles Leclerc) parte com natural favoritismo depois de ter conquistado o seu primeiro título de campeão nacional em dezembro. Francisco Costa (Kosmic), José Almeida (Tonykart), Diogo Castro (IPK), assim como os ‘rookies’ Pedro Cachada (Tonykart), Rodrigo Vilaça (Tonykart), Santiago Alves (Birel ART) e Frederico Pinto Coelho (Tonykart) vão tentar que a tão ambicionada ‘dobradinha’ do piloto de Lisboa não se concretize.

Guilherme Morgado (EKR), Lourenço Rocha (Sodikart), David Luís (EKR) e Leonor Rocha (Parolin) vão lutar pela conquista da Taça de Portugal de Karting 2020 na categoria Cadete 4T. Já na categoria Iniciação, Xavier Lázaro (Birel ART), campeão nacional em título, é claramente candidato à vitória, contando com a oposição de Francisco Iglésias (Birel ART), Martim Gomes (Birel ART) e de Lourenço Antunes (Birer Art), filho de Gil Antunes, campeão nacional de ralis 2RM em 2019.

Ni Amorim, presidente da FPAK, está em Portimão e referiu que “é muito positivo termos 62 pilotos numa conjuntura tão difícil como aquela que atravessamos. O Karting sempre foi uma modalidade muito acarinhada pela direção da FPAK e é bom começarmos a temporada com uma prova tão emblemática como a Taça de Portugal”.

Programa desportivo
Quanto ao programa desportivo para o próximo fim de semana em Portimão, todas as categorias irão realizar uma sessão de treinos livres e outra de treinos cronometrados no sábado de manhã, enquanto à tarde, entre as 14h00 e as 15h50, serão disputadas praticamente todas as mangas de qualificação, estando três, relativas às categorias Iniciação, X30 e X30 Super Shifter, marcadas para domingo de manhã, antes de todas as Pré-Finais. As Finais serão disputadas entre as 14h20 e as 15h55, não existindo, de acordo com o Plano de Contingência da FPAK, a habitual cerimónia de entrega de prémios. Estes deverão ser levantados no secretariado da prova, assim que clube organizador informar os pilotos.

Created by: fcairrao - 12/03/21

Browse by Columns

RACES

INTERVIEWS

OPINION

NEXT RACES

Newsletter

Stay tuned!
Assine a nossa newsletter