Dezassete portugueses entre os 260 inscritos para o Rotax International Trophy 2020

- News and Previews
A segunda edição do Rotax Max Challenge International Trophy (RMCIT) arranca na terça-feira e prolonga-se até domingo no Kartódromo Internacional do Algarve, em Portimão.

Por Filipe Cairrão

Depois da primeira edição realizada no ano passado no Circuito Internacional de Le Mans, em França, o Rotax Max Challenge International Trophy (RMCIT) 2020 será disputado entre a próxima terça-feira e domingo no Kartódromo Internacional do Algarve, em Portimão.
Na competição estão inscritos 260 pilotos entre os quais 18 portugueses, distribuídos por seis categorias. A categoria Micro-Max tem 30 inscritos entre os quais três pilotos nacionais, nomeadamente João Maria Pereira (Tonykart), João Barros (Tonykart) e Martim Marques (Charles Leclerc), enquanto que a categoria Mini-Max tem 31 inscritos entre os quais os portugueses Rodrigo Vilaça (Tonykart) e Pedro Barbosa (Tonykart).
Na Júnior estão inscritos 65 pilotos, entre os quais Diogo Martins (Tonykart), Francisca Queiróz (Tonykart), João Oliveira (Tonykart) e o sul-coreano Kim Junho (DR) que está a competir este ano no nosso país. A categoria Sénior tem a maior lista de inscritos (75) e constam os nomes dos portugueses Rodrigo Lessa (Tonykart), Guilherme Lemos (Praga), Jesse Doorgeest (Tonykart) e Guilherme de Oliveira (Kosmic).
A categoria DD2 conta com 35 inscritos entre os quais três portugueses, nomeadamente
Gonçalo Coutinho (Praga), Tomás Ribeiro (Tonykart) e José Barros (Tonykart), enquanto que na categoria DD2 Master estão inscritos 24 pilotos, dos quais dois são portugueses: António Bravo Lima (Praga) e Duarte Castro (Birel ART).
Os vencedores das categorias Júnior, Sénior, DD2 e DD2 Master garantem o apuramento para as Finais Mundiais Rotax que decorreram entre 23 e 30 de janeiro de 2021, precisamente no traçado algarvio.

Newsletter

Stay tuned!
Assine a nossa newsletter
Follow Us on Facebook