RMCP 4: Pinto reforça comando na DD2 e Mendes triunfa na DD2 Master

Columns: Races

Por Filipe Cairrão
Fotos José Lourenço

A edição de 2018 do Rotax Max Challenge Portugal prosseguiu no Kartódromo Internacional de Braga, palco da quarta prova da competição, depois das rondas em Palmela, Viana do Castelo e Baltar.
Nas categorias DD2 e DD2 Master, onde competem os karts equipados com caixa de velocidades, os líderes do troféu à chegada a Braga eram, respetivamente, Pedro Pinto (DD2, para pilotos entre os 15 e os 31 anos) e Rui Pereira (DD2 Master, para pilotos com idade igual ou superior a 32 anos).
Nos treinos cronometrados, Pedro Pinto (Tonykart) começou por estabelecer o melhor tempo absoluto, rodando e 53,972s, enquanto o aniversariante João Oliveira (Tonykart) foi o mais rápido entre os Master, com uma volta (54,066s) que lhe deu a segunda posição na grelha de partida para a Final 1. Na primeira corrida do dia, Pedro Pinto confirmou o favoritismo, obteve a volta mais rápida (54,513s) e venceu com mais de três segundo de vantagem para Vítor Mendes (Praga), que por sua vez foi o mais forte entre os Master. Rui Pereira (Birel ART) terminou atrás do piloto de Felgueiras, como terceiro classificado da geral e segundo entre os Master, enquanto José João Oliveira (Birel ART) foi o quarto da geral e segundo entre os DD2. O top 5 absoluto ficou completo com Miguel Vieira (Praga), o terceiro dos DD2, que terminou logo na frente de João Oliveira (Tonykart), sexto da geral. Seguiram-se Bravo Lima (Praga), Nuno Carvalho (Birel ART), Fernando Costa (Praga) e Nuno Neves (FA), que completaram os sete primeiros da categoria DD2 Master.
Na Final 2, João Oliveira começou por liderar a corrida sendo ultrapassado por José João Oliveira na segunda volta, até Pedro Pinto assumir o comando das operações a partir da quarta volta. O piloto de Vila Nova de Gaia manteve-se na liderança até ao final, garantindo assim mais um triunfo na categoria DD2 (com nova volta mais rápida, 54,867s), rumando agora à última prova, em Viana do Castelo, na frente do troféu. Rui Pereira fez uma prova em crescendo e subiu à segunda posição da geral, vencendo a categoria DD2 Master na Final 2. José João Oliveira foi o terceiro classificado absoluto e segundo dos DD2, terminando logo na frente de Vítor Mendes, o segundo dos Master. Miguel Vieira voltou a terminar dentro do top 5 absoluto e foi o terceiro dos DD2, enquanto João Oliveira foi o terceiro dos Master (sexto absoluto), depois de uma fase inicial em que rodou nos primeiros lugares. Por sua vez, Bravo Lima, Nuno Carvalho, Fernando Costa e Nuno Neves repetiram a mesma ordem da Final 1.
Com estes resultados, o pódio final da categoria DD2 em Braga foi formado por Pedro Pinto, Vítor Mendes (primeiros dos Master) e Rui Pereira (segundo Master). Miguel Vieira foi o quarto classificado final, João Oliveira completou o top 5 absoluto (terceiro Master), José João Oliveira foi o sexto classificado, Bravo Lima foi sétimo, seguido por Nuno Carvalho, Fernando Costa e Nuno Neves.
O Rotax Max Challenge Portugal decide-se no próximo dia 14 de outubro, no Kartódromo de Viana do Castelo.

Todas as classificações em:
http://www.apex-timing.com/goracing/results.php?path=/korridas/2018/braga2/

Created by: fcairrao - 11/09/18

Browse by Columns

RACES

INTERVIEWS

OPINION

NEXT RACES

Newsletter

Stay tuned!
Assine a nossa newsletter