RMCP 4: Salvador Trindade vence em Braga na categoria Micro-Max

Columns: Races

Por Filipe Cairrão

Fotos José Lourenço

 

A edição de 2018 do Rotax Max Challenge Portugal prosseguiu no Kartódromo Internacional de Braga, palco da quarta prova da competição, depois das rondas em Palmela, Viana do Castelo e Baltar.

Na categoria Micro, destinada a pilotos com idades entre os 7 e os 10 anos, o líder do troféu à chegada a Braga era o espanhol Christian Costoya (Tonykart), que tinha vencido as seis finais disputadas anteriormente (330 pontos). Atrás de Costoya surgiam José Pinheiro (303 pontos), Henrique de Oliveira (287), Maria Germano (281) e Rodrigo Vilaça (280), que tinha estado muito rápido na prova anterior, em Baltar.

Salvador Trindade (BirelART) começou por surpreender nos treinos cronometrados e garantiu a pole position para a Final 1, rodando em 1m02,182s e tendo Costoya a seu lado na primeira linha da grelha.

O jovem espanhol, protegido do bicampeão do Mundo de F1, Fernando Alonso, liderou a corrida desde o início mas entrou na box à nona das 12 voltas ao traçado de 1.286 metros, devido a uma penalização. Com isto, Salvador Trindade e José Pinheiro (Praga) ficaram na frente da corrida e discutiram o triunfo até aos metros finais, com vantagem para Trindade, que assim obteve a primeira vitória da sua carreira. José Pinheiro garantiu a volta mais rápida da corrida (1m02,229s) e subiu ao degrau intermédio do pódio, na frente de Rodrigo Vilaça (Tonykart). Henrique de Oliveira (Tonykart) fez uma corrida de recuperação (largou de oitavo) e terminou na quarta posição, na frente da espanhola Lucia Estevez (Praga) e de Maria Germano (Praga), que chegou a rodar no quarto lugar na fase inicial da corrida. Seguiram-se Martim Marques (Sodikart) e João Dinis (Tonykart), que fecharam assim o top 8 na frente do azarado Christian Costoya.

Na Final 2, o jovem piloto espanhol vingou-se e liderou da primeira à última volta, apesar de ter sido sempre pressionado por Salvador Trindade. Costoya garantiu, assim, a sétima vitória nas oito finais disputadas até ao momento, estando em boa posição para garantir o título na quinta e última prova, em Viana do Castelo. Salvador Trindade, autor da volta mais rápida (1m02,563s) voltou a subir ao pódio e, no cômputo dos resultados das duas corridas em Braga, foi o vencedor da prova minhota. Henrique de Oliveira conseguiu o derradeiro lugar do pódio na Final 2, em mais uma excelente recuperação, enquanto José Pinheiro foi o quarto classificado, na frente de Rodrigo Vilaça, que tinha caído para a cauda do pelotão na fase inicial da corrida. Maria Germano foi a sexta classificada, Lucia Estevez terminou no sétimo posto, Martim Marques foi o oitavo classificado e João Dinis o nono.

Com estes resultados, o pódio final de Braga foi composto por Salvador Trindade, José Pinheiro e Henrique de Oliveira. No top 5 final também terminaram Rodrigo Vilaça e a espanhola Lucia Estevez, enquanto Maria Germano foi a sexta classificada, na frente de Martim Marques, João Dinis e Christian Costoya.

O Rotax Max Challenge Portugal decide-se no próximo dia 14 de outubro, com a quinta e última prova, a disputar-se no Kartódromo de Viana do Castelo.

 

Todas as classificações em:

http://www.apex-timing.com/goracing/results.php?path=/korridas/2018/braga2/

Created by: fcairrao - 11/09/18

Browse by Columns

RACES

INTERVIEWS

OPINION

NEXT RACES

Newsletter

Stay tuned!
Assine a nossa newsletter