Pedro Perino batizado na Alemanha para o FIA Karting Academy Trophy 2019

- Races

Pedro Perino já cumpriu o sonho de estar inserido no pelotão do FIA Karting Academy Trophy, competição promovida pela Federação Internacional do Automóvel (FIA) e que visa detetar novos talentos. Na primeira prova, disputada na pista germânica de Wackersdorf, que reuniu 51 pilotos de 47 países e 5 continentes, o piloto de Oeiras – único representante da Federação Portuguesa de Automobilismo e Karting (FPAK) – foi dos mais rápidos entre nomes bem sonantes do Karting internacional, mas dois incidentes em duas mangas de qualificação, impediram-no de alcançar um bom resultado.

 

Em igualdade de circunstâncias, já que o FIA Karting Academy Trophy é uma competição monomarca, cujos karts estão equipados com motores Vortex, chassis Exprit e pneus Bridgestone fornecidos pela organização (sendo o fato de competição também igual para todos), Pedro Perino notabilizou-se nos vários treinos livres oficiais superando pilotos como o repetente italiano Paolo Ferrari ou Robert De Haan, piloto holandês que viria a bater toda concorrência na Final, tendo o sul-africano Joshua Coertze e o dinamarquês Magnus Germansen Daae completado o pódio.

 

Numa prova em que o mais importante para Pedro Perino era ter a sua primeira experiência numa grande competição internacional, não pôde, contudo, materializar a sua rapidez num bom resultado, sobretudo porque foi forçado a abandonar em duas das três mangas de qualificação de acesso à Final. “Na primeira manga, um conjunto de pilotos despistou-se à minha frente e não tive como me desviar, pelo que fui obrigado a abandonar. Na terceira manga, logo após a partida aconteceu praticamente o mesmo, mas as consequências foram ainda piores porque fiquei com o chassis todo danificado. Foi tudo muito rápido e não tive como evitar o choque nos karts dos pilotos que se despistaram à minha frente. Assim, foi impossível qualificar-me para a Final, já que tinha apenas um 19.º lugar que alcancei na segunda manga, embora tivesse terminado na 13.ª posição, mas uma penalização de cinco segundos relegou-me para o 19.º lugar. Contudo, apesar de ter sido forçado a abandonar em duas das três mangas nesta minha primeira prova do FIA Karting Academy Trophy, o fim de semana foi muito intenso e gratificante, pois o ambiente que se vive nestas competições é excecional. Por isso mesmo, estou bastante motivado para as próximas duas provas que serão disputadas em Itália e conto, naturalmente, com o apoio do Mariano Pires e do Eusébio Pires, que estiveram incansáveis na Alemanha”, comentou Pedro Perino, piloto patrocinado pela Rangel, THL, Hospitec, Prime Tours, Sentidos Beach e Termo Clima.

Newsletter

Stay tuned!
Assine a nossa newsletter
Follow Us on Facebook