KARTING

EMOÇÃO e PAIXÃO

FacebookTwitterInstagramYoutubePocketMags

Andriy Pits já é bicampeão de Espanha de Karting da categoria Sénior

Andriy Pits já é bicampeão de Espanha de Karting da categoria Sénior
Races

Texto Filipe Cairrão
Fotos VVL Sport Image


Num mês e num cenário perfeito. Em agosto, mês em que no dia 1 completo 16 anos de idade e numa pista (Alcañiz) integrada num complexo que faz jus ao nome de ser a ‘terra dos motores’: Motorland, em Aragón.

Com uma vitória e um terceiro lugar, o piloto português garantiu, na quarta e penúltima prova do Campeonato de Espanha, novamente o título de campeão na categoria Sénior. “Na Corrida 1, tive de recuperar desde o 15º lugar até à 7ª posição e depois, devido a um incidente que implicou procedimento ‘slow’, conseguir recuperar ainda mais o prejuízo. Como faltavam cerca de 6 a 7 voltas para o final da corrida, tentei terminar na melhor posição possível, sem contudo querer arriscar muito, pois tinha de gerir as contas do campeonato. Mas ainda assim deu para vencer. Na Corrida 2, largava da frente, mas estava igualmente como o pensamento no que diz respeito à obtenção de uma boa classificação para o campeonato. E uma vez que o piloto que terminou na terceira posição na corrida anterior estava com pneus novos, nem hesitei em gerir simplesmente a corrida. Mesmo assim, consegui o terceiro lugar do pódio. Com estes resultados, já sou bicampeão de Espanha da categoria Sénior. Consegui revalidar o título graças aos meus pais a quem agradeço a confiança que tiveram em mim. E, naturalmente, estou muito grato a todos os que fazem parte do Cabo Júnior Team. Os últimos três meses não foram fáceis, devido a uma fratura na costela que me impediu de me preparar bem fisicamente, mas felizmente esta quarta prova correu bem”, comentou à Vroom, Andriy Pits, que iguala o feito alcançado por Henrique Chaves nas épocas 2012 e 2013… curiosamente também aos comandos de um kart equipado com chassis Zanardi, sendo os motores Parilla de 125cc e pneus Vega obrigatórios para todos os concorrentes.

Em Alcañiz e na categoria Sénior também correram mais portugueses. Ricardo Borges – pela primeira vez este ano a disputar o campeonato do país vizinho – garantiu um positivo 6º lugar na Corrida 1 e na Corrida 2 foi nono classificado. Boa prestação do piloto da Maia.

Diogo Pinto – que continua a desenvolver o novo chassis Evokart – fechou o top-10 na Corrida 1 e foi 14º classificado na Corrida 2, enquanto Luís Silva (CRG) Luís Duarte (Tonykart) não tiveram sorte nesta prova, sendo mesmo obrigados a abandonaram uma corrida.   

 

Simão Ventura no pódio da categoria Júnior

Simão Ventura também rodou nos lugares de maior destaque na categoria Júnior. O piloto de Mira, que corre com chassis CRG e pelo Cabo Júnior Team, fez uma boa recuperação na Corrida 1 e conquistou o terceiro lugar do pódio. Na Corrida 2, Simão Ventura esteve a discutir a liderança e depois a segunda posição, tendo esta escapado por muito pouco (83 milésimos de segundo!) ao piloto português que, garantiu, contudo, mais um pódio, ao ser terceiro classificado.

 

Ivan Domingues distinguido na categoria Alevín

Ivan Domingues foi outro português a colocar as cores nacionais em evidência, dado que subiu ao pódio para receber o ‘Prémio Cepsa’, instituído para que obtém a melhor recuperação. O piloto de Leiria, integrado na DPK Racing ao volante de um kart equipado com chassis Madcroc, não teve muita na Corrida 1, mas na Corrida 2, largou do 18º posto para terminar num positivo nono lugar.

OKKART srl © COPYRIGHT 2016 | P.IVA 02629390598 | PRIVACY POLICY