KARTING

EMOÇÃO e PAIXÃO

FacebookTwitterInstagramYoutubePocketMags

Vitória ao ‘photo-finish’ para Adriàn Malheiro na Taça de Portugal da categoria Cadete

Vitória ao ‘photo-finish’ para Adriàn Malheiro na Taça de Portugal da categoria Cadete
Races

Numa Final verdadeiramente emocionante, Adriàn Malheiro conquistou a 35ª edição da Taça de Portugal de Karting, disputada este fim de semana, no Kartódromo de Viana do Castelo, com organização do Sport Clube do Porto. Ivan Domingues e Lourenço Marques completaram o pódio, mas discutiram o triunfo até final com o jovem luso-espanhol, dado que cruzaram a meta separados por 39 milésimos de segundo (!), pelo que a Taça também ficaria bem entregue quer Domingues quer a Marques. Tomás Martins – protagonista de uma recuperação notável – e Rafael Rêgo fecharam, respetivamente, o top-5, mas José Pinheiro, Rodrigo Testa e Miguel Couteiro também estiveram na luta pela quinta posição.  

 

Texto Filipe Cairrão

Fotos VVL Sport Image

 

Adriàn Malheiro (Praga) tirou o melhor proveito de ter sido o mais rápido nos treinos cronometrados colocando-se nos lugares da frente na primeira corrida de qualificação. Lourenço Marques (TopKart) e Ivan Domingues (Madcroc), que também passaram pela liderança, deram excelente réplica ao piloto luso-espanhol, que a duas voltas do final consolidou o seu avanço de forma decisiva.

Já na segunda corrida de qualificação, foi a vez de Domingues cortar a meta na frente de Malheiro após mais uma discussão animada entre ambos, com Lourenço Marques um pouco mais atrás.

O somatório dos resultados nas mangas de qualificação colocou Adriàn Malheiro na pole para a corrida decisiva, com Ivan Domingues a seu lado e Lourenço Marques logo atrás. Este trio rodou junto durante grande parte da Final, com constantes trocas de posições e manteve a incerteza quanto ao vencedor até aos últimos centímetros!

Na derradeira passagem pela linha de meta, Malheiro e Domingues estavam praticamente lado a lado e ambos festejaram a vitória, embora a cronometragem oficial mostrasse uma escassa vantagem de 0,018s para o piloto de Vigo. Lourenço Marques ainda chegou a sonhar com a vitória mas terminou a 0,039s de Malheiro, no final de uma das corridas mais emotivas do fim-de-semana.

Mais atrás também houve uma interessante discussão pelos restantes lugares do top 5, com Tomás Martins (DR) – que largou da 10ª posição – a assegurar o quarto lugar depois de se ter conseguido distanciar ligeiramente de um extenso grupo perseguidor. Neste ‘mini-pelotão’ estavam Rafael Rêgo (CRG), José Pinheiro (Ricciardo), Rodrigo Testa (DR) e Miguel Couteiro (DR), quatro pilotos que terminariam separados por 0,4s! O equilíbrio também se manteve até ao final no grupo seguinte, onde estavam o rookie Mateus Cabrelli (DR), Mário Borges (Tonykart) – após paragem de sete meses –, Matilde Ferreira (Energy) e, outro estreante na categoria, Manuel dos Santos (CRG), todos eles com pouca sorte nesta prova por diversas razões.

Guilherme Alves (Energy) foi o piloto mais azarado da Final, dado que teve de desistir após a oitava volta, devido a um despiste no final da reta da meta, felizmente sem consequências físicas para o jovem piloto lisboeta.

OKKART srl © COPYRIGHT 2018 | VAT IT02629390598 | Privacy Policy - Cookies Policy