KARTING

EMOÇÃO e PAIXÃO

FacebookTwitterInstagramYoutubePocketMags

Lusos em bom plano no Europeu OK e no Troféu Academia CIK-FIA em Portimão

Lusos em bom plano no Europeu OK e no Troféu Academia CIK-FIA em Portimão
Races

Texto Filipe Cairrão

 

O Kartódromo Internacional do Algarve (KIA), em Portimão, recebeu a terceira jornada do Campeonato da Europa CIK-FIA das categorias OK e OK-Júnior e a segunda ronda do Troféu Academia CIK-KIA.

Na categoria OK, disputada por 32 pilotos, Tomás Mota (Tonykart/Vortex), que alinhou pelos suecos da Ward Racing, obteve o 23º melhor tempo nos treinos cronometrados e Andriy Pits (CRG/Parilla), inscrito pela CRG Itália, rubricou a 24ª melhor marca.

Na primeira manga de qualificação, Andriy Pits fez uma boa recuperação ao cruzar a meta no 13º posto, mas na segunda não teve a sorte do seu lado e foi 23º classificado.

Tomás Mota foi forçado abandonar na primeira manga, após a terceira das 10 voltas ao traçado algarvio, e na segunda viu a bandeira xadrez na 20ª posição, sendo depois penalizado em 10 segundos, pelo que caiu para o 26º posto.

Com estes resultados, Andriy Pits foi 19º classificado no final das mangas de qualificação, na qual se impôs a espanhola Marta Garcia (Evokart/Parilla) que já havia sido a mais rápida nos treinos cronometrados, enquanto Tomás Mota foi 29º classificado.

Na Pré-Final, Andriy Pits terminou na 13ª posição e Tomás Mota no 24º lugar, posições que assumiram na grelha de partida para a derradeira contenda.

Na Final, Andriy Pits viu a bandeira xadrez na 12ª posição atrás do polaco Karol Basz (Kosmic/Vortex) – que é segundo classificado no campeonato após esta terceira jornada – e Tomás Mota protagonizou uma recuperação bem positiva do 24º posto até ao 15º lugar final, tendo a vitória sorrido ao britânico Tom Joyner (Zanardi/Parilla), que saiu de Portimão na liderança, estando numa posição favorável para conquistar mais um título europeu, sendo que a quarta e última prova está agendada para o último fim de semana de julho, para a pista belga de Genk. Já Andriy Pits é 18º classificado entre 34 concorrentes e Tomás Mota, dado não ter alinhado nas primeiras duas provas não está classificado.

Na OK-Júnior, que contou com 72 participantes, sem qualquer representante português, venceu o francês Victor Martins (Kosmic/Pariila).

 

Simão Ventura garante positivo 14º lugar no Troféu Academia CIK-FIA

Na segunda ronda do Troféu Academia CIK-FIA, disputada por 46 pilotos – cujo motores Vortex, chassis Exprit e pneus Vega são obrigatórios para todos os participantes – Simão Ventura, único representante português, depois de ser 31º classificado nos treinos cronometrados, na primeira manga de qualificação foi forçado a abandonar após toque de um piloto logo na segunda curva. Na outra manga de qualificação, o piloto de Mira foi 14º classificado, mas face ao azar da contenda inaugural, foi relegado para a corrida de repescagem para a Final. Neste particular, Simão Ventura fez uma excelente corrida e bateu toda a concorrência, juntando-se assim, tal como os outros cinco primeiros classificados, aos 28 já apurados para a Final através da qualificação direta pelas mangas.

Na Pré-Final, Simão Ventura foi 21º classificado e na Final e viu a bandeira xadrez num positivo 14º lugar, numa prova ganha pelo belga Xavier Handsaeme, que é segundo classificado na competição liderada pelo britânico Callum Bradshaw. Por sua vez, Simão Ventura é o 21º posicionado entre 54 classificados.

A terceira e última prova esta agendada para o último fim de semana de julho, para a pista belga de Genk, na qual também estará presente o português Yohan Sousa mas a competir no Campeonato da Europa CIK-FIA da categoria KZ2.

OKKART srl © COPYRIGHT 2016 | P.IVA 02629390598 | PRIVACY POLICY