KARTING

EMOÇÃO e PAIXÃO

FacebookTwitterInstagramYoutubePocketMags

CNK X30 Shifter: Yohan Sousa vence as duas corridas mas teve forte oposição

CNK X30 Shifter: Yohan Sousa vence as duas corridas mas teve forte oposição
Races

Yohan Sousa venceu as duas corridas da prova de abertura do Campeonato Nacional de Karting da categoria X30 Shifter, que arrancou este fim de semana no Kartódromo Internacional de Leiria, sob a organização do Núcleo de Desportos Motorizados local (NDML). Na Corrida 1, Mariano Pires e Rui Carneiro completaram o pódio, feito alcançado por Tiago Teixeira e Manuel Falcão na Corrida 2.

Adelino Sequeira triunfou na Corrida 1 entre os Masters, Frederico Castro e Rui Bastos completaram o pódio, enquanto na Corrida 2 venceu César Campaniço, Rui Bastos foi segundo e Adelino Sequeira terceiro classificado. Nos Gentleman, Ilídio Fernandes venceu a Corrida 1 e Manuel Ramos a Corrida 2.

 

Filipe Cairrão

Fotos VVL Sport Image

 

O ‘rookie’ Mariano Pires (Sodi) foi o mais rápido nos treinos cronometrados da categoria X30 Shifter, completando a melhor volta ao circuito leiriense de 1006 metros em 46,244s.

O piloto de Ponte de Lima voltou a mostrar um andamento forte na manga de qualificação, passando pela liderança, mas depois Yohan Sousa (Zanardi) – campeão em título – assumiu o comando e não mais o largou, tendo Mariano Pires garantido a segunda posição.

César Campaniço (CRG) foi terceiro e venceu entre os Masters – pilotos com idade igual ou superior a 32 anos –, enquanto Rui Carneiro (Zanardi) e Luís Silva encerraram o top-5, à frente de Manuel Falcão (Tonykart), Hugo Marreiros (DR), Tiago Teixeira (Birel) – autor da volta mais rápida –, Miguel Ramos (Birel) e André Serafim (Tonykart) que fecharam, respetivamente, o top-10.

Ana Rita Teixeira (Energy) foi a 11ª classificada, à frente de Adelino Sequeira (Praga-2º Master), Rui Bastos (Birel-3º Master), Frederico Castro (Maranello-4º Master).

Já Ilídio Fernandes (Ricciardo) venceu a nova categoria Gentleman – destinada a pilotos com idade igual ou superior a 45 anos – e Manuel Ramos (Birel) foi segundo classificado.

Na Final, Yohan Sousa liderou de princípio a fim e Mariano Pires voltou a ser segundo classificado, rubricando também a volta mais rápida. Rui Carneiro fez uma boa corrida e completou o pódio, tendo Manuel Falcão e Hugo Marreiros sido os quarto e quinto classificados, respetivamente. Miguel Ramos terminou na sexta posição, à frente de André Serafim, Luís Silva, Tiago Teixeira e de Adelino Sequeira que fechou o top-10 e garantiu o lugar mais alto do pódio entre os Masters.

Ana Rita Teixeira voltou a cruzar a meta na 11ª posição, à frente de Frederico Castro (2º Master) e Rui Bastos (3º Master), enquanto César Campaniço foi forçado a abandonar na sétima volta depois do para-choques do seu kart se ter soltado.

Ilídio Fernandes venceu a categoria Gentleman e Manuel Ramos foi segundo classificado.   

 

Tiago Teixeira e Manuel Falcão no pódio da Corrida 2

No domingo, segundo dia de competição e em disputa a Corrida 2, Yohan Sousa obteve o melhor registo (46,812s) nos ‘cronos’. Na manga de qualificação, Tiago Teixeira que largou da terceira posição, assumiu em definitivo a liderança na terceira volta por troca com Yohan Sousa que cruzou a meta no terceiro lugar, atrás de Manuel Falcão.

Miguel Ramos foi o quarto classificado e César Campaniço fechou o top-5 e venceu entre os Masters, enquanto Hugo Marreiros garantiu o sexto lugar, à frente de Mariano Pires, Luís Silva, Frederico Castro (2º Master) e Rui Carneiro que completou o top-10.

Adelino Sequeira segurou o 11º lugar e o 3º entre os Masters, seguindo-se André Serafim, Rui Bastos (4º Master), Ilídio Fernandes (1º Gentleman), Ana Rita Teixeira e Manuel Ramos (2º Gentleman).

Na Final, Tiago Teixeira largou da pole-position e mostrou uma ritmo muito forte liderando a contenda até à quinta volta, altura em que Yohan Sousa – este ano integrado no Cabo Júnior Team – passou para o comando para não mais o largar até final, assinando também a volta mais rápida. O piloto da Motocane garantiu um merecido segundo lugar, dado que enfrentou algumas contrariedades ao longo do fim de semana, enquanto Manuel Falcão completou o pódio.

A luta pelo quarto lugar foi muito animada, tendo André Serafim cruzado a cruzar a meta nessa posição, mas face a uma penalização de 5 segundos, “por toques a Miguel Ramos”, de acordo com o Colégio de Comissários Desportivos, o piloto de Chaves caiu para o nono lugar. Miguel Ramos foi então o quarto classificado e Hugo Marreiros fechou o top-5.

César Campaniço terminou no sexto posto e venceu entre os Masters, Luís Silva garantiu um positivo sétimo lugar, tendo Rui Carneiro terminado imediatamente a seguir. Serafim foi então, como já mencionados o nono classificado e Mariano Pires fechou o top-10.

Rui Bastos viu a bandeira xadrez no 11º posto e garantiu mais um pódio entre os Masters ao ser segundo classificado, tendo desta vez Adelino Sequeira sido terceiro classificado e 12º à geral. Ana Rita Teixeira teve alguns problemas na Corrida 2 e cruzou a meta no 13º lugar, à frente de Frederico Castro (4º Master).

Manuel Ramos estreou-se a vencer entre os Gentleman, apesar de um despiste à nona volta, tendo Ilídio Fernandes abandonado duas voltas antes com o seu kart danificado em virtude de um toque na partida.

OKKART srl © COPYRIGHT 2018 | VAT IT02629390598 | Privacy Policy - Cookies Policy