KARTING

EMOÇÃO e PAIXÃO

FacebookTwitterInstagramYoutubePocketMags

Mariano Pires garante pódio em Espanha… mas há mais portugueses em destaque

Mariano Pires garante pódio em Espanha… mas há mais portugueses em destaque
Races

Mariano Pires (CRG) com um quinto lugar na Final 1 e uma vitória na Final 2 garantiu o lugar intermédio do pódio da categoria Júnior na primeira prova das Series Rotax Espanha que decorreu no Kartódromo Internacional Lucas Guerrero, em Valência. Um resultado muito positivo para o piloto de Ponte de Lima que falhou a vitória à geral entre 34 pilotos por apenas 1 ponto! Aitor Sorozabal (Tonykart) foi quem colheu os louros.


Texto Filipe Cairrão

Fotos VVL Sport Image/Lourenço José e João Nuno


Igualmente na categoria Júnior, Gonçalo Coutinho (FA) chegou a rodar nos lugares da frente, mas não teve muita sorte nesta primeira jornada, sendo 14º classificado, enquanto Guilherme Gusmão (Topkart) – que esteve bem na Final 1 –, assim como o ‘rookie’ Francisco Vilaverde (Praga) podem queixar-se de bastante azar, dado que na Final 2 não chegaram a arrancar devido a um incidente que envolveram outros pilotos, pelo que averbaram os 28º e 33º lugares, respetivamente.


Bruno Borlido a um lugar do pódio na Sénior Max

Bruno Borlido (Praga) esteve sempre na luta pelas vitórias, mas acabou por ser quarto classificado em igualdade pontual com os terceiro e quinto posicionados, respetivamente. O piloto de Viana do Castelo – que já venceu esta competição em 2014 –, depois de ser 5º classificado na Final 1, perdeu algum andamento na Final 2 e viu a bandeira xadrez no 6º posto, apesar de ter passado pela liderança...

Rui Lima (Praga) mostrou um andamento forte, mas não conseguiu materializar a sua performance em termos de classificação final… merecendo mais do que o 17º lugar. Alexandre Areia (Praga), estreante entre os seniores, não se deixou intimidar e impôs o seu ritmo, embora, tal como Rui Lima, pela forma combativa e com tempos já muito próximos aos mais experientes, merecesse também melhor do que a 20ª posição entre os 27 participantes… até porque também sofreu um toque que lhe condicionou a prova.

Luís Cidade (FA) – favorito a um dos lugares do pódio – viu hipotecada a obtenção de um bom resultado logo na Final 1 em que foi forçado a abandonar devido a um incidente, mas na Final 2 o piloto de Matosinhos garantiu a terceira posição e a volta mais rápida, mostrando o seu talento. Contudo, em termos de classificação final, Cidade foi um inglório 24º posicionado… fruto do azar na Final 1. O lugar mais alto do pódio foi conquistado por Ricardo Garcia (Tonykart).


Pedro Pinto muito forte na DD2… assim como Frederico Peters na Mini-Max

Na categoria DD2, Pedro Pinto (Tonykart) também esteve muito próximo de marcar presença no pódio, já que rodou sempre nos lugares da frente, mas acabou por ser quinto classificado, tendo em igual posição terminado Fernando Costa (Praga) entre os DD2 Masters. Antonio Aguado (BirelArt) venceu na DD2 e Llius Ligadas nos Masters.

A comitiva lusa ainda garantiu mais um top 5 por intermédio de Frederico Peters (BirelArt) na categoria Mini-Max. O piloto de Évora foi 3º classificado na Final 1 e 8º na Final 2, mostrando um andamento muito postivo.

Quem também esteve na luta pela 8º posição na Final 2 da categoria Mini-Max foi Guilherme de Oliveira (FA), mas terminou no 11º posto, resultado que somado a mais um 11º lugar na Final 1, fez com que o jovem piloto encerrasse o top-10. Na mesma categoria, Gabriel Caçoilo (Birel) não teve a sorte do seu lado. Na Final 1, o piloto de Aveiro não teve sorte e foi 15º classificado, não baixando os braços apesar de cair algumas posições. O mesmo aconteceu na Final 2 mas terminou no 21º lugar. Contas feitas, regressou a Portugal com o 16º posto, enquanto o vencedor foi o catalão Mari Boya (Tonykart), em igualdade pontual com o italiano Carles Mertinez (Tonykart) e o madrileno Daniel Nogales (BirelArt) .

Na Micro Max, Rodrigo Testa (DKR), único representante português foi o 17º posicionado quer na Final 1 quer na Final 2, resultado que lhe permitiram arrecadar o 15º lugar final, cujo vencedor foi o catalão Santiago Vallve (BirelArt).

Download: 

OKKART srl © COPYRIGHT 2016 | P.IVA 02629390598 | PRIVACY POLICY