KARTING

EMOÇÃO e PAIXÃO

FacebookTwitterInstagramYoutubePocketMags

Diogo Pinto 6º classificado entre 123 pilotos na Final Internacional Iame Sénior

Diogo Pinto 6º classificado entre 123 pilotos na Final Internacional Iame Sénior
Races

Diogo Pinto, aos comandos de um kart equipado com chassis FA, garantiu hoje um sensacional 6º lugar entre 123 pilotos que disputaram a Final Internacional Iame da categoria X30 Sénior que teve início na passada quinta-feira, no circuito francês de Le Mans. Vincent Fraisse, que alinhou com chassis Sodi, a correr no seu país, bateu toda a concorrência, sucedendo a seu compatriota François Becamel, que em 2014, correu com chassis Kosmic.

 

Diogo Pinto depois de ter terminado ontem as mangas de qualificação no quarto lugar, hoje, na pré-final, arrancou dessa posição, chegou a rodar no terceiro posto, mas acabou por terminar na quinto lugar, sendo ultrapassado na 12ª e penúltima volta pelo francês Vincent Fraisse, que rubricou precisamente nesse ‘giro’ a volta mais rápida.

Na Final, disputada em 21 voltas, o piloto de Guimarães esteve até cinco voltas para a amostragem da bandeira xadrez na luta pela vitória, atacando o terceiro classificado, mas depois o seu kart começou a perder rendimento e acabou por cruzar a meta no sexto lugar. Uma classificação muito positiva para Diogo Pinto que este ano fez a sua estreia na categoria X30 Sénior.

Sem Ricardo Borges (Sodi) em competição desde sexta-feira, devido a um acidente que acabou por fraturar o dedo de uma mão ao piloto da Maia, o outro português em Le Mans a disputar a categoria X30 Sénior, Andriy Pits (Zanardi) – campeão nacional em título e também em Espanha –, depois de não ter tido sorte nas mangas de qualificação, disputou hoje a Final B frente a 33 pilotos, cujo vencedor foi apurado para a Final A, ou seja, para a ‘grande final’. O piloto de Leiria mostrou a sua rapidez em rubricar a segunda melhor volta, mas terminou na 20ª posição. Quer para Ricardo Borges quer para Andriy Pits este fim de semana… não era definitivamente deles.

Na categoria X30 Master – destinada a pilotos com idade igual ou superior a 32 anos –, sem representantes portugueses, na qual alinharam 73 pilotos, o título também ficou em França, por intermédio de Gérard Cavalloni (PCR).


Juniores portugueses sem sorte em Le Mans

Desde quinta-feira, dia em que se realizaram os treinos cronometrados, os três juniores portugueses debateram-se com problemas vários em Le Mans, não conseguindo obter o apuramento para a Final A, que ditou o vencedor da edição 2015 da Final Internacional Júnior, nomeadamente o norte-americano David Malukas (Birel Art).

Hoje, Simão Ventura (Zanardi) disputou a Final B frente a 33 pilotos, cujo vencedor foi apurado para a Final A, ou seja, para a ‘grande final’, tal como sucedeu na X30 Sénior. O piloto de Mira largou do 33º lugar e acabou por fazer uma prova positiva ao recuperar 14 posições, cruzando a meta no 19º posto.

Bruno Ponte (Haase) – campeão nacional em título – e Guilherme Gusmão (Topkart) disputaram a Final C, tendo o piloto do Funchal terminado na 10ª posição e o eborense Guilherme Gusmão no 14º lugar.


Texto Filipe Cairrão
Fotos Vroom Portugal/AR e MRM Comunicación-media

OKKART srl © COPYRIGHT 2018 | VAT IT02629390598 | Privacy Policy - Cookies Policy