KARTING

EMOÇÃO e PAIXÃO

FacebookTwitterInstagramYoutubePocketMags

Yohan Sousa vai largar da 5ª posição nas mangas de qualificação do Europeu KZ2

Yohan Sousa vai largar da 5ª posição nas mangas de qualificação do Europeu KZ2
Races

Yohan Sousa vai largar hoje à tarde da 5ª posição nas mangas de qualificação da segunda prova do Campeonato da Europa de Karting da categoria KZ2, que está a decorrer desde quinta-feira e se prolongará até amanhã no Circuito Internacional de Zuera, em Espanha.

O francês Thomas Laurent foi o mais rápido com o registo de 59,800s, o piloto português obteve a 11ª melhor marca em 1m00,095s – mas viveu um episódio insólito –, enquanto o dinamarquês Andreas Fasberg que lidera a competição não foi além do 31º tempo (1m00,428s).

Yohan Sousa, aos comandos de um kart equipado com chassis Zanardi e motor TM – pneus LeCont obrigatórios para todos –, integrado na equipa sueca Strakka Bhaitech, juntamente com o mecânico luso Paulo Barreiro, garantiu há pouco a 11ª melhor marca nos treinos cronometrados (a 3ª da sua série) da segunda prova do Campeonato da Europa da categoria KZ2, com o tempo de 1m00,095s, ficando a 80 milésimos de segundo de Sean Babington (Energy Corse/Parilla) dos Emirados Árabes Unidos que fechou o top-10.

Volante do piloto português partiu-se na segunda volta!
Yohan Sousa poderia, contudo, ter obtido o melhor tempo, já que na segunda volta, inexplicavelmente, o volante do seu kart partiu-se! “Não percebemos como aconteceu. Simplesmente partiu em andamento. Continuei em pista com o volante partido e tentei obter o melhor tempo. Mesmo assim, consegui a 11ª melhor marca mas, muito provavelmente, poderia ter alcançado um tempo melhor. Agora, há que pensar nas mangas de qualificação”, contou-nos, desta forma, o ‘episódio insólito’ com que o piloto português se deparou.  
Ontem, Yohan Sousa foi o segundo mais rápido nos treinos livres oficiais, completando a melhor volta ao traçado espanhol em 59,648s, ficando apenas a 0,017s do melhor registo obtido pelo italiano Lorenzo Camplese (Formula K/Parilla), que hoje não foi além do 26º melhor tempo.
Ainda assim, feita a distribuição dos pilotos por cinco grupos, Yohan Sousa vai largar da 5ª posição nas mangas de qualificação que irão decorrer hoje à tarde e que irão apurar os primeiros 28 classificados diretamente para a Final. Os restantes pilotos que não obtiveram a qualificação imediata, irão disputar amanhã de manhã a corrida de repescagem, sendo apurados os seis primeiros classificados, para assim formarem a grelha de partida de 34 pilotos para pré-final, a disputar, ainda de manhã, estando a Final agendada para o início da tarde.

Francês Thomas Laurent foi o mais rápido nos treinos cronometrados
No que diz respeito ao piloto que obteve a melhor marca nos treinos cronometrados, foi o francês Thomas Laurent (Tonykart/Vortex) em 59,800s, seguindo-se o seu compatriota Paolo Besancenez (Tonykart/Vortex), 59,856s. O sueco Joel Johansson (Energy Corse/TM) garantiu a terceira melhor marca em 59,890s, à frente dos espanhóis Pedro Hiltbrand (CRG/Maxter) – piloto oficial CRG que ocupa a segunda posição do campeonato – e de Jorge Pescador (Praga/Parilla), piloto oficial Praga, com os ‘cronos’ de 59,941s e 59,948s, respetivamente.
O holandês Marijn Kremers (Birel Art/Parilla) assinou o sexto melhor tempo em 59,960s, seguindo-se os italianos Alessio Piccini (Tonykart/Vortex), 59,991s, Francesco Celenta (Parolin/TM), 1m00,002s e Luca Corberi (Tonykart/Vortex), 1m00,035s, tendo Sean Babington (Energy Corse/Parilla) dos Emirados Árabes Unidos, 1m00,015s, como já mencionamos, encerrado o top-10, à frente de Yohan Sousa, 1m00,095s.

Líder Andreas Fasberg não conseguiu melhor do que a 31ª melhor marca
O dinamarquês Andreas Fasberg, piloto oficial da Tony Kart Racing Team, que corre com motor Vortex, líder do campeonato com mais 14 pontos do que o espanhol Hiltbrand – após vencer a primeira prova em abril no Circuito Internacional de Nápoles, em Itália – não conseguiu melhor do que 31ª posição nos treinos cronometrados, com o tempo de 1m00,428s.
Já o italiano Fabian Federer (CRG/Maxter), colega de equipa de Hiltbrand e terceiro classificado na competição, rubricou o 14º melhor tempo, com o ‘crono’ de 1m00,139s.

Filipe Cairrão

Foto KSP.fr

OKKART srl © COPYRIGHT 2016 | P.IVA 02629390598 | PRIVACY POLICY